Folia do Cedro saiu em giro mantendo uma antiga tradição

12/07/2011 21:04:12
  • Imprimir

Saiu nesta terça feira, 12, da comunidade de Jacinópolis; a Folia de Santos Reis da comunidade do Cedro. A folia de reis circulará por toda a região e se encerrará no dia 16 na comunidade do cedro.


Foliões  agradecem pelo almoço na comunidade Jacinópolis

Saiu nesta terça feira, 12, da comunidade de Jacinópolis; a Folia de Santos Reis da comunidade do Cedro. A Folia de Reis circulará por toda a região e se encerrará no dia 16, na comunidade do Cedro.

Lucimar Teodoro Rodrigues (Mauro), Embaixador da Folia de Reis – nome dado ao líder da folia – com 23 anos de experiência em giros de folia -  disse que esta folia que era, tradicionalmente realizada nos meses de janeiro, mas está sendo realizada agora no mês de Julho, devido a questão das chuvas que afeta muito as atividades dos foliões e ainda, pelo fato de ser o mês de julho um mês de férias, possibilitando maior participação das comunidades. A folia do Cedro conta com 33 foliões entre guia, músicos e palhaços.


Seu Armelino e dona Ana Alves (Sá Ana): Festeiros da folia do Cedro

Seu Armelino e dona Ana Alves (Sá Ana), festeiros da folia do Cedro estão contando com grande participação de pessoas nesta entrega. De maneira que prevê até a armação de 30 barracas quando pessoas de Rio de Janeiro, Bahia, Goiás, Mato Grosso vem para participar das festividades no Cedro, no que ficou apelidado de “sem terra”, explica dona Ana Alves, devido a grande quantidade de barracas.  

Na região de Iporá acontece também a folia de reis do Cruzeirinho que terá um almoço amanhã, 13, na casa do Deventino, no Jardim Monte Alto. E encerrou o giro, a folia que partiu da região do Taquari e Santa Marta e se encerrou no Caiapó.

Folia de Reis

Trata-se de uma festa de origem portuguesa relacionada às comemorações do nascimento de Jesus e que ainda hoje mantém-se viva nas manifestações folclóricas de muitas regiões do país, refazendo o percurso dos três reis magos que vieram de muito longe visitar e trazer presentes para o menino Jesus. No caso da folia, uma encenação do trajeto dos três reis magos, são oferecidos jantares, donativos e realizadas festas e cantorias.

No Município e Iporá dentre os instrumentos, são utilizados, o reco-reco, o apito; a sanfona; a viola caipira; o violão; cavaquinho, a caixa e o pandeiro. (João Batista da Silva Oliveira)


 

O que achou dessa Notícia?
0 votos

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.

    Ou faça o login com o Facebook.