Também em Jaupaci comunidade deve entrar na Justiça contra CELG

13/02/2015

Em Jaupaci, cidade onde a CELG deixou com que houvesse nesses primeiros dias do ano de 2015 várias interrupções no fornecimento de energia elétrica, os problemas agora tem a ver também com as contas de luz. São mais problemas com a CELG. No mês de janeiro a cidade ficou mais de 34 horas sem energia, e as faturas a pagar neste mês de fevereiro tiveram aumento de até 1.180%. Na emissora de rádio da cidade, Rádio Lírios do Campo, aumentou 204% na conta de luz. Não bastando isso, os talões que vêm com postagem paga é preciso que cada um vá buscar no correio. Foi feita uma reunião com pessoas da comunidade e verificou-se que os cálculos de energia subiram numa média de 600%. A Associação Comunitária Geraldo de Oliveira e a Rádio Lírios do Campo em Jaupaci, juntamente com o programa Tribuna do Povo, estão engajando para entrar na justiça contra a CELG. Os consumidores estão juntando os talões, os atuais e os anteriores, para levar a justiça em uma ação a ser impetrada, para que possam corrigir os preços e juros exorbitantes. Trata-se de uma ação popular que fica pronta até o final do mês de fevereiro. Os membros da Associação dizem que tentaram falar com alguns politicos, mas não tiveram nenhuma resposta positiva, alegando o período de recesso.

O que achou dessa Notícia?
0 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano ou Facebook para comentar.

    Botão do Facebook
    Faça aqui o seu cadastro!