Tucanos deixam o partido com críticas. Filiam no PMN

21/03/2016

O vereador e presidente da Câmara Municipal de Jaupaci, Adriano Reis Veloso da Rocha (Dill) deixou o PSDB de Jaupaci e com ele, também deixou a sigla o vereador Robson Ferreira de Souza (Robinho).


Ao deixar o PSDB os vereadores dissidentes fazem críticas que, segundo dizem, são dirigidas a alguns que se dizem líderes dentro do partido. Dill enumera como falhas no PSDB jaupaciense a falta de espaço para a prática da boa política e conduta de perseguição. Afirma que esses que se dizem líderes no partido não compartilharam com eles decisões e alguns até fizeram barganhas políticas em proveito próprio. Diz ainda que o PSDB local é um partido que não respeita as siglas aliadas. Dill afirma que, ao contrário de outros, não usa de benefícios do Estado para seus interesses. Ele lamenta que esses que se dizem líderes já estão se movimentando para voltar ao poder municipal e se esquecem do rombo que deixaram em cofres municipais.


Por sua vez o vereador Robinho também demonstra insatisfações semelhantes. Diz que viveu um partido que fazia reuniões às escondidas, desrespeitando até quem tem mandato. No PSDB, o vereador Dill permaneceu por 18 anos.


Agora no PMN


O partido escolhido para abrigar Dill e Robinho foi o PMN. Os vereadores o escolheram por acreditar na oportunidade de crescer dentro desta legenda. Dill conta da boa acolhida que recebeu de Eliane Pinheiro, deputada estadual e que está à frente da sigla em Goiás. Aos vereadores esta deputada já disponibilizou serviços de gabinete na Assembleia Legislativa, onde é possível se conseguir muita coisa para o povo jaupaciense, especialmente na área de saúde. Uma casa de apoio já foi disponibilizada pela deputada para uso das famílias jaupacienses.


Enquanto Dill fica satisfeito com a expectativa de trabalho que surge com a deputada Eliane Pinheiro, lamenta e pede desculpas aos jaupacienses pelo fiasco que foi, pelo menos até aqui, o deputado estadual Gustavo Sebba (PSDB), ao qual o grupo do vereador Dill deu 304 votos. “Nada fez por Jaupaci nesses dois anos de deputado”, relata Dill e reitera desculpas aos filhos de sua terra pelo desperdício do voto. Embora reivindicasse, Dill não conseguiu dele benefícios para a cidade.


Agora, além de Eliane Pinheiro, Dill e Robinho passam a ter também uma relação de parceria com Alexandre Baldy, deputado federal que já destinou uma emenda de cento e trinta mil reais (R$ 130.000,00) para compra de equipamentos para o posto de saúde. Por tudo isso, Dill afirma estar satisfeito com os novos rumos de sua carreira política. Ele quer continuar trabalhando pelo seu povo.

O que achou dessa Notícia?
0 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano ou Facebook para comentar.

    Botão do Facebook
    Faça aqui o seu cadastro!