Projeto Universidade das Quebradas traz benefícios para formação artística

22/05/2013
funarte-rj.jpg

Artistas de Iporá conseguiram oficinas gratuitas

Aprender mais de fotografia, vídeo por celular, vídeo mapping, internet, portifólio artístico, pátina provençal e discussão sobre políticas culturais são assuntos de um projeto chamado de UNIVERSIDADE DAS QUEBRADAS que chega à cidade neste final de semana.


Artistas de Iporá conseguiram trazer esta ação que é prática da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com realização pela Funarte e em parceria com Média Lab, UFG, UFPA, UFPB, UDESC, SECULTU-GO e, no plano local, o GIRA, o movimento cultural local que prepara evento para setembro, em Iporá.


 Gratuidade


São grátis os serviços prestados pela UFRJ e parceiros, consistindo numa valiosa oportunidade para as pessoas se aperfeiçoarem no mundo das artes. As oficinas devem acontecer nos espaços da UEG, IF Goiano, Câmara Municipal, Barraca da Economia Solidária e rua da festa de maio. A presença da arte será evidenciada dentro do evento da padroeira, com a implementação de ação chamada de RUA (Realidade Urbana Aumentada). Todas estas atividades antecedem a realização do GIRA, em setembro, um grande evento cultural que tem Walquiria Wal e Daya Gomes na produção executiva, Eros Trovador na produção artística, Cida Barros na produção de decoração e ambientação, Adriane de Jesus na produção de comunicação, William Gonçalves na área de infra-estrutura e Maria Gonçalves na área financeira.


Maiores informações e confirmação da inscrição:
Walquíria Wal: 8406-9076
Wilian Gonçalves: 9289-1787

O que achou dessa Notícia?
3 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.