Iporaense é o novo presidente do Conselho Estadual de Cultura

01/10/2019
carlos-william-leite-ipora01102019.jpg

O iporaense Carlos Willian Leite é o novo presidente do conselho Estadual de Cultura de Goiás. Eleito para o biênio 2020/21 é o mais novo conselheiro a já ocupar o cargo. Entre os presidentes do colegiado já passaram nomes como Altamiro de Moura Pacheco, Belkiss Spenzièri e Venerando de Freitas Borges.


O Conselho de Cultura foi criado pela Lei nº 6.750 de 10 de novembro de 1967, sancionada pelo então governador Otávio Lage de Siqueira. Trata-se de um órgão colegiado responsável por desenvolver a política estadual de Cultura em Goiás. Ao Conselho compete, além da análise de projetos culturais, a função de normatizar, deliberar, consultar e fiscalizar todas as ações no universo cultural do Estado, inclusive formulando as propostas e executando políticas públicas na área. O órgão é composto por 12 conselheiros e possui sete Câmaras Técnicas: Letras; Artes Visuais; Ciências Humanas, Memória e Patrimônio Cultural; Audiovisual; Artes Cênicas; Música; e Legislação e Norma.


Carlos Willian Leite é jornalista, editor da “Revista Bula” e autor dos livros “Intempéries do Vento” e “Noves Fora: Nada”. É membro do Conselho Estadual de Cultura desde 2011.


Iporaenses como expoentes da cultura goiana


O momento é ímpar para a presença de iporaenses no movimento cultural goiano. Enquanto o escritor Edival Lourenço, desde primeiro de janeiro deste ano, é o Secretário Estadual de Cultura, agora é Carlos William que chega a este posto importante. Ambos, Edival e Carlos, são iporaenses, cujas famílias estão presentes em nossa cidade. Os dois tem presença na literatura goiana, com obras publicadas e premiações obtidas. Depois de vivência em Iporá, os dois deixaram a cidade para bem sucedidas empreitadas na capital do Estado, Goiânia. A condição atual dos dois pode beneficiar Iporá em gestões para a área, desde que por meio de projetos a eles encaminhados com boa fundamentação.

O que achou dessa Notícia?
31 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.