Mais um evento gratuito do Campus Iporá do IF Goiano beneficiou produtores. Muitos foram nesta quinta-feira a Fazenda Escola para ouvir orientações sobre a interação lavoura pecuária

12/04/2018


Explicações para produtores rurais sobre a interação lavoura pecuária. Acontecimento da manhã desta quinta-feira, 26



O Campus Iporá do IF Goiano promoveu nesta quinta-feira, dia 26 de abril, um dia de campo voltado a integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF). O evento, que teve início às 8h com café da manhã, foi gratuito, era voltado aos pequenos, médios e grandes produtores rurais, aos profissionais da área e, também, aos estudantes de cursos do próprio IF Goiano e de outras instituições.


A programação foi desenvolvida no decorrer da primeira metade do dia e envolveu seis estações e uma dinâmica, nas quais foram apresentadas e discutidas as intervenções realizadas na área experimental da Fazenda Escola, além de dados de pesquisas sobre o desempenho do sistema de produção integrado.


A dinâmica do evento facilitou a participação de todos, já que teve fluxo continuo de visita às estações. Conforme os participantes iam chegando, eram formados grupos que faziam o trajeto pelas estações de apresentação.


Estações e temas mostrados


1ª – Adubo Verde e Milho Variedade;
Foi abordado o uso de espécies de adubos verde para produção de fitomassa (palhada e forragem para ILP), bem como melhorias que a implantação destas espécies podem proporcionar ao solo no decorrer do tempo. Quanto ao milho variedade, foram apresentados os resultados de produtividade e a viabilidade econômica de quatro variedades testadas na região, dando enfoque para a potencialidade de uso das mesmas por agricultores familiares e em sistemas integrados (ILP e ILPF).


2ª – Resultados de Produção de milho em consórcio com Capim:
Dados referentes a produção de silagem de grão úmido, produção de grãos e produção de matéria seca (MS) do capim cv. BRS Tamani. Esses dados são resultados de um ensaio de competitividade de 10 híbridos de milho de dupla aptidão (silagem/grão) consorciado com capim.


3ª – Apresentação do Sistema de ILP do IF Goiano – Campus Iporá - Fazenda Escola;
Apresentação do sistema ILP implantado na Fazenda Escola na safra 14/15.
Demonstração dos resultados da produção de diferentes silagens feitas a partir de lavouras de milho consorciadas com braquiaria e feijão guandu, que podem aumentar a capacidade produtiva da lavoura, em sequência o rebanho que entrará nas pastagens adubadas pelas lavouras antecessoras.


4ª – Apresentação dos Resultados de Confinamento com Silagem do Sistema ILP;
Foram apresentados os resultados de consumo, ganho de peso e custo com alimentação de 30 animais da raça Nelore confinados que foram alimentados com dietas contendo apenas uma fonte de milho (silagem da planta inteira, silagem de grãos úmidos ou milho grão seco triturado).


5ª – Apresentação dos Resultados Agronômicos do Sistema ILP;
Avaliação entre diferentes formas de colheita do milho em sistema integrado, discutindo o impacto da colheita de milho para silagem de grão úmido e da silagem de área total nos resultados do sistema produtivo. Ainda avaliamos a possibilidade de não realizar a colheita do milho, utilizando o consorcio diretamente para pastejo.


6ª – Apresentação dos Resultados Zootécnicos do Sistema ILP;
Avaliação da produção animal em pastejo visando rotação de culturas em sistema integrado. Neste caso estamos avaliando o uso da pastagem como alternativa de rotação com as culturas graníferas durante o período chuvoso (safra 2017/2018).
Além destas seis estações houve uma dinâmica com a Embaladora de Silagem, cujo potencial de uso na região é grande.


O coordenador do evento, Guido Calgaro Junior, explica que além de ser o II Dia de Campo da Fazenda Escola o mesmo fez parte das atividades estabelecidas no projeto de extensão “Difusão tecnológica: Sistemas de integração lavoura-pecuária como ferramenta de recuperação e produção sustentável de grãos e carne” que vem sendo executado desde 2017.

O que achou dessa Notícia?
16 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.