Vence no dia 30 prazo para vacinação do rebanho bovino

17/11/2020
valfrido-morbeck-barros-ipora-go-br17112020.jpg

Valfrido, da Agrodefesa, cuidando de alertar produtores rurais

A vacinação contra a aftosa que teve início em primeiro de novembro, tem prazo até o dia 30 deste mês. Informa Valfrido Morbeck de Barros, que está a frente do escritório da Agrodefesa sediado em Iporá.


O gado, através do leite ou carne, é a maior fonte de divisas de Iporá e toda região. O órgão encarregado de atuar na área está alertando todos os pecuaristas.


Desta vez o foco é vacinação em bovídeos de até 24 meses, juntamente também com a vacinação da raiva para bovídeos de até 12 meses, em 121 municípios do estado.


Produtores com mais de 150 animais devem lançar na senha própria gerada no site da AGRODEFESA (SIDAGO). Mesmo produtores que tem bovinos só na faixa com mais de 24 meses devem declarar (mas não precisam vacinar).


O prazo para apresentar a DECLARAÇÃO DE VACINAÇÃO contra a febre aftosa e raiva vai até 7 de dezembro de 2020. A multa a quem não apresentar a declaração de vacinação é de R$ 300,00. A multa por não vacinação é de R$ 7,00 para aftosa e R$ 7,00 para raiva, por animal.


A AGRODEFESA e o VAPT-VUPT só lançarão declarações aos produtores com até 150 bovinos e por agendamento. Quem for abater os bovídeos no prazo de até 90 dias após o término do período de vacinação desta etapa, não terá necessidade de vacinar, porém terá de apresentar o TERMO DE COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE DE ABATE DE ANIMAIS.

O que achou dessa Notícia?
3 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.