Secretário admite falta de vagas em Iporá para a educação infantil

16/11/2018
joao-almeida-lara16112018.jpg

Professor João Lara, secretário municipal de educação: na luta para abrir vagas para educação infantil

Numa entrevista à Rádio Rio Claro, o secretário municipal de educação, professor João Lara, admitiu a dificuldade que existe para acomodar em escolas da rede municipal, alunos da educação infantil.


Em tempo de matrículas para o ano de 2019, está havendo um corre-corre dos pais em busca de vagas, tendo havido, nestes últimos dias, até filas e distribuição de senhas. Pode não haver possibilidade de atender a todos, com o ensino gratuito em escolas públicas. Explica o secretário que “pode ocorrer também do pai de aluno ter que matricular seu filho em escola de bairro longe de sua casa por falta de vaga em escola próxima”.


João Lara, secretário municipal de educação, afirma que havia um compromisso de um recurso superior a quatrocentos mil reais, dentro do Programa Goiás na Frente, e que seria para construir quatorze salas de aula em Iporá, mas esse dinheiro não virá mais, já que o Governo do Estado interrompeu os repasses desse programa. Sabe-se que o Estado está em situação de crise financeira, dentro desse momento de transição para um novo Governo.


João Lara ainda explica que mesmo que o recurso viesse para a construção de salas nesse final de ano e para atender o ano letivo de 2019, ainda haveria outro problema que seria o de ter mais professores para essa ampliação de vagas na educação infantil.


Um dos problemas sérios está na Escola Dona Ritinha, localizada na Vila Brasília, região da cidade onde tem muitas crianças em idade de educação infantil. No ano passado foi feita a construção de uma sala naquela escola, mas agora nem espaço tem mais para edificação de novas salas, explica Lara.


Ainda existem algumas vagas em outras escolas e o secretário estuda a possibilidade de abrir novas vagas, mas ele afirma que ainda não sabe que demanda que existe em busca de mais vagas. Ele afirma que a meta é atender todas as crianças. Pede paciência aos pais nesse momento de acomodação de vagas em escolas da rede estadual.


Sobre as creches, o secretário afirma que foram abertas mais vagas, inclusive, atendendo exigência da Promotoria.

O que achou dessa Notícia?
3 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.