Nome do Lago passa a ser extensivo com homenagem a ex-vereador

28/12/2016
lago por do sol ipora 281216.jpg

Além de Pôr-do-Sol, passa a ser acrescido ao nome do Lago também Vereador Raimundo Almar Diniz. Assim, a denominação fica como “Lago Pôr-do-Sol Vereador Raimundo Almar Diniz”.


Uma placa já foi colocada no local com essa denominação. A iniciativa de ampliação do nome é do prefeito Danilo Gleic Alves dos Santos (PSDB), que enviou matéria legislativa neste sentido para a Câmara Municipal de Vereadores, com votação unânime em favor nas sessões de dezembro. Em seguida, foi feita a sanção ao projeto de lei.


Raimundo Almar Diniz, o homenageado, foi vereador em Iporá entre 1977 e 1982. Foi pai do ex-prefeito Mac Mahoen Távora Diniz, que é o criador do Lago, obra de sua gestão no ano de 1996.


Assim que inaugurado foi feito um concurso público que escolheu o nome do local, quando a comissão julgadora decidiu por “Pôr-do-Sol”. Agora, providencialmente o nome fica extensivo para homenagear ex-vereador e que foi pai de quem teve a ideia de execução da obra que se tornou cartão postal da cidade.

O que achou dessa Notícia?
42 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

1 comentário

  • Moizeis A. Gomis. 03/01/2017

    Justa homenagem. Diferente de alguns nomes dados a logradouros públicos de Iporá, por “puxassaquismo” politiqueiro. Almar Diniz, como era conhecido, foi um cearense que migrou para Iporá, agricultor incansável, pioneiro no cultivo de algodão herbáceo em lavoura mecanizada no município. Como borracheiro e depois frentista, no Posto Shell (Bom Tempo), no final da década de 1960 e início da de 1970, testemunhei seu duro labor, abastecendo máquinas, transportando peões, etc. Pai que deu educação superior a todos os seus filhos. Na política foi ousado e destemido: em plena Ditadura Militar, nos "anos de chumbo" do pavoroso AI 5, período mais repressivo do Regime, "seu Almar Diniz", foi candidato a vereador pelo MDB, o partido da oposição ao governo Militar, a ARENA. Eleito, exerceu o mandato sem se aliar à situação, não era a moleza de hoje, não.

Comente

Faça seu Login

Use sua conta do Oeste Goiano.