Há dez anos iniciava-se luta que resultaria em Parque Ecológico

10/09/2020
imagem-aerea-do-parque-de-junho-de-201910092020.jpg

Em 7 de setembro de 2010, ou seja, há 10 anos, o serventuário da justiça Oívlis Áldrin Charles Morbeck Barros de Souza dava início ao projeto acadêmico de conclusão do curso de Pós-Graduação em Responsabilidade Social e Ambiental, pela UniEVANGÉLICA de Anápolis, em convênio com o Tribunal de Justiça do estado de Goiás, denominado “RECUPERAÇÃO E CONSERVAÇÃO DA NASCENTE GROTA SECA”, que culminou com a criação do PARQUE MUNICIPAL ECOLÓGICO DE IPORÁ, em 17 de maio de 2012, Lei nº 1.501.


O parque conta com 14.018,35m² de área e está localizado nas proximidades dos prédios da prefeitura municipal e da câmara municipal; e anexo ao prédio do Fórum da comarca, com 8 pontos de nascentes (sendo apenas uma perene, denominada “Nascente Grota Seca”). Estima-se que existam atualmente no parque, em crescimento, 1.500 mudas, de aproximadamente 60 espécies diferentes, todas do Cerrado.


Após mais de 10 anos do início do projeto e mais de 8 anos de criação do parque, muito foi feito na área, mas muito ainda precisa ser feito, como plantio de mudas, sistema de contenção de erosão e construção de infraestrutura indispensável para receber visitas da comunidade local e regional; e da comunidade científica, acadêmica e escolar.


Em 5 de junho do corrente ano Oívlis Morbeck publicou livro contando a história do parque, com o título “PARQUE MUNICIPAL ECOLÓGICO DE IPORÁ: DO SONHO À REALIDADE”, impresso pelo Oeste Goiano.


As imagens que acompanham este texto foram tiradas no parque na manhã de 7 de setembro de 2020 por Oívlis Morbeck, com exceção da foto aérea.


A flora está gradativamente recompondo o parque e a fauna aos poucos tem retornado a frequentar a área.


Mesmo com todas as dificuldades e adversidades enfrentadas pelo parque, ele é um ótimo exemplo a ser seguida pelo poder público, quando se fala em recuperação e recomposição de área degradada com baixo custo, especialmente quando se tem voluntários, como no parque, que constantemente estão ajudando em sua conservação e manutenção.


Neste ano eleitoral espera-se que os candidatos a prefeito e vereador incluam em seus planos e projetos o Parque Municipal Ecológico de Iporá, não esquecendo do Parque Cachoeirinha; e quando eleitos coloquem em prática suas propostas.

O que achou dessa Notícia?
5 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

1 comentário

  • ARNON GERALDO FERREIRA 11/09/2020

    Amigo Olivis, a sua luta é o que nos motiva a persistir na caminha da defesa do meio ambiente, parabéns fique firme e juntos venceremos as barreiras, conte sempre com esse amigo e agora mais perto estou de volta na nossa amada Iporá depois de 30 anos em Goiânia. Breve teremos nosso tao sonhado viveiro Publico Privado, estou elaborando um projeto que trara os recursos que faltam.

Comente

Faça seu Login

Use sua conta do Oeste Goiano.