Nesta sexta-feira haverá reunião para criar Comitê de Recursos Hídricos

15/08/2018
comite-de-recursos-hidricos15082018.jpg

Mais uma etapa do processo para criação do Comitê Municipal de Gestão dos Recursos Hídricos se desenvolve, com a realização nesta sexta-feira (17), às 9h, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal de Iporá de uma importante reunião. O Secretário de Meio Ambiente Alexandre Teixeira Lopes, e o Prefeito Municipal Naçoitan Araújo Leite, estão mobilizando a comunidade para este momento, e destacando a importância de criação do Comitê Municipal de Recursos Hídricos.


O Prefeito Naçoitan Araújo Leite, comentou da importância em proteger nossos rios e nascentes, independente da época do ano ou período de estiagem. O uso consciente das águas, pelas empresas que utilizam e distribuem (usuários) e pela população, tem que ser pauta constante de discussões por todos, do Poder Público ao agricultor que necessita e utiliza-se das águas fluviais para produção.


Segundo o Secretário de Meio Ambiente Alexandre Teixeira Lopes, a ideia é sensibilizar a região, para que participe da audiência pública e contribua com as discussões pertinentes ao Comitê, bem como as ações de intervenções prioritárias na Bacia Hidrográfica do Ribeirão Santo Antônio efetivamente.


“Há uma previsão de que nos próximos anos o volume de retirada de água do Ribeirão Santo Antônio venha a aumentar, assim sendo, é preciso que tenhamos um comitê de bacia instituído para melhor gerir nossos recursos hídricos. Segundo estudos recentes feitos por pesquisadores da UEG, o Rio Santo Antônio, nos últimos anos, tem perdido sua capacidade de abastecimento”, alertou o Secretário de Meio Ambiente.


“Mobilizamos a sociedade civil organizada, os usuários de água, que são aquelas pessoas físicas ou jurídicas, públicas ou privadas, que demandam mais água para as suas atividades e precisam de outorga de uso de água, e o poder público municipal, para que possamos desenvolver mais uma etapa de mobilização para a criação do Comitê Municipal de Gestão dos Recursos Hídricos. Esperamos sensibilizar e mobilizar a população Iporaense para que ela participe efetivamente do Comitê, que vai ser instituído por decreto ao fim desse ciclo”, ressaltou.


O Prefeito Municipal, Naçoitan Araújo Leite, reforçou que a participação de todos os atores envolvidos no processo é fundamental para que seja garantida a legalidade do comitê.


“Como a Política de Comitê de Bacias prega a descentralização da gestão dos recursos hídricos, quanto mais representativa a audiência pública for, mais legal se torna o processo. Então, todas as entidades envolvidas, quer sejam do poder público, da sociedade civil ou de usuários, devem estar presentes para fortalecer a discussão e tornar o processo bem mais representativo”, assinalou o Prefeito.

O que achou dessa Notícia?
2 votos