Professor de música é preso por estupro em menina de 11 anos

15/03/2016
professor-de-musica-estupra.jpg

Nesta terça-feira, 15, a Polícia Civil de Iporá prendeu um professor de música de Iporá que cometeu estupro em uma aluna de 11 anos.


O delegado Ramon Queiroz relatou para esta reportagem que na manhã desta terça-feira, a adolescente e seu pai procuraram a Polícia Civil e informaram que o citado professor de música da adolescente teria aproveitado que a mesma estava sozinha em casa e, sob o pretexto de querer ver seu caderno, teria agarrado a mesma e tocado em seu corpo, jogado na cama e pulado em cima da mesma.


A adolescente gritou e pediu para que o professor não fizesse aquilo. Após isso, o professor teria proposto dar de presente a adolescente um teclado para que a mesma consentisse com a relação sexual.


Assim que informada, a equipe da Polícia Civil saiu em procura do professor e conseguiu localizá-lo. O mesmo foi ouvido e confirmou a veracidade dos fatos. Foi lavrado o auto de prisão em flagrante contra o professor. Segundo o delegado Ramon Queiroz, é possível que ele tenha aliciado outras crianças, haja vista que começam a chegar denúncias de que o fato é corriqueiro.


O delegado pede que, caso os pais percebam ou tenham ciência de algum fato ocorrido com seus filhos, que procure a Delegacia de Polícia para que seja verificada a situação. A atitude da adolescente em avisar o pai e a polícia foi extremante importante para se chegar a autoria e para que fosse possível a prisão do mesmo. Vale dizer que, conforme a lei, mesmo que não haja conjunção carnal, considera-se estupro este tipo de conduta, com abordagem e toques que visem isso.


O delegado Ramon Queiroz afirmou para a reportagem que o nome da adolescente e do acusado serão preservados para garantir a integridade de ambos.

O que achou dessa Notícia?
96 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

4 comentários

  • Lilian Rita Lobo 16/03/2016

    O jornal não tem o dever de colocar o nome não, principalmente quando o próprio delegado diz pra não colocar! Vocês tem que cobrar é do delegado! Se você recebe a ordem de não fazer, você faz?
  • cicero augusto 16/03/2016

    O jornal tem o dever de colocar o nome do acusado, prestação de serviço! Vai que tem pai que tem filhos que tenha algum contato com esse meliante?
    • Romeu Lima 16/03/2016

      Preservar integridade de estuprador? Qual é o objetivo? E se tiver mais vítimas ?
  • RAFAEL MARTINS GONÇALVES 15/03/2016

    vai ficar por isso mesmo???????? cadê a policia pra dizer o nome do animal????
  • RAFAEL MARTINS GONÇALVES 15/03/2016

    e vcs nao vao informar o nome do meliante nao?

Comente

Faça seu Login

Use sua conta do Oeste Goiano.