Diplomação em Caiapônia exclui quem venceu em Palestina de Goiás

28/11/2016
valdivino rodrigues borges 281116.jpg

Valdivino Rodrigues: Candidatura sob júdice

Está marcada para esta quarta-feira, 30, às 19 horas, no auditório do Tribunal do Juri de Caiapônia uma solenidade de diplomação dos eleitos em 2 de outubro nas cidades da Comarca: Palestina, Doverlândia e Caiapônia.


No entanto, não será diplomado quem venceu as eleições em Palestina de Goiás para os cargos majoritários: Valdivino Rodrigues e Sandro Jordão. Esta reportagem contactou com o Cartório Eleitoral de Caiapônia que nos informou que a não diplomação dos que venceram a eleição em Palestina se dá em razão de registro de candidatura estar sob júdice.


No Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o candidato a prefeito Valdivino Rodrigues, do PSDB, teve o seu registro cassado, uma vez ser tido como inelegível, já que tem contas rejeitadas pela Câmara Municipal de Palestina de Goiás. Valdivino Rodrigues chegou a ter deferimento de candidatura em primeira instância. O caso segue para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.


Serão diplomadas Zilda de Araújo Rezende Machado (PMDB) e Genilva Kátia de Assis (PRP), prefeita e vice eleitas em Doverlânida, além dos vereadores eleitos nesta cidade. Por Caiapônia, serão diplomados Caio Lima e Carmem Lúcia, ambos do PP e eleitos prefeito e vice. Serão também diplomados os vereadores eleitos em Caiapônia, bem como os de Palestina de Goiás.


Ainda sobre Palestina de Goiás, o que comentam juristas é de que, se em primeiro de janeiro não houver um prefeito eleito diplomado, tomará posse como administrador aquele que for escolhido, naquela data, como presidente da Câmara.

O que achou dessa Notícia?
23 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.