Paulo Maizena justifica seu posicionamento na Câmara Municipal

02/01/2017
ptc-paulo-maisena.jpg

Paulo Maizena, acompanhado do presidente Edmilson Carlos, Jorge Michel, Dione Furtado e Vanderlan Cardoso, em visita ao OG

A redação do Oeste Goiano recebeu a visita de membros do Partido Trabalhista Cristão (PTC), incluindo o vereador Paulo Maizena para dar as explicações sobre o posicionamento deste com relação a eleição da Câmara Municipal, realizada neste domingo, primeiro de janeiro.


Eles deram explicações e entregaram ao jornal um ofício que segue abaixo. Neste, toda a explicação sobre o assunto:


O que achou dessa Notícia?
29 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

12 comentários

  • Cleomar 03/01/2017

    Joaozinho, ninguém está questionando o "ponto de vista" do "vereador" sobre suas escolhas. O questionamento é outro. É um questionamento moral. Começar um mandato traindo, apenas revela que a carreira política do "vereador" virou mingau antes de começar.
  • joão leopoldo 03/01/2017

    Vinicius é difícil , muitas vezes deixo de comentar em enquetes aqui no OG, pela falta de educação de várias pessoas que não entendem oque é ponto de vista . Gostei da resposta Paulo Maizena .
  • Thales Vieira 03/01/2017

    Lamentável, péssimo início de mandato.
  • Cleomar 03/01/2017

    Vinicius, discutir na seção de comentários de qualquer site é UMA GRANDE PERCA DE TEMPO. Você pode, inclusive, sofrer um TRAUMATISMO UCRANIANO.
  • Cleomar 03/01/2017

    Isso aqui está ficando divertido, sobretudo pela profundidade dos comentários do Vinicius. O "rapaz" é profundo como um azulejo... Ou seria um pires?
    • Vinicius Lacerda Rocha 03/01/2017

      Sim
  • Ana 03/01/2017

    Vinicius, compreendo sua dificuldade em saber a diferença entre Perca e Perda, Sugiro um curso básico de ortografia. Também compreendo sua posição, é provável que não consiga ver nos outros senão os vícios que traz em si mesmo,
  • Vinicius Lacerda Rocha 02/01/2017

    Grosseiro é a falta de educação de certas pessoas neste site ... E que firmar o compromisso colega, se todas as fotos tiradas e reuniões fossem firmar compromisso, nossos amigos Didi Coutinho, Keilo Borges, Eurides Laurindo não teria firmado tal compromisso. Todos eles foram procurados pela oposição e situação, igual Paulo Maizena.
    • Vinicius Lacerda Rocha 02/01/2017

      Professora de português, quando a senhora utiliza ponto, quer dizer que está terminando uma frase, consequentemente ao retomar a frase ou oração, se você utilizar vírgula, apenas da espaço para leitura correta, não muda o sentido da frase... no primeiro post disse que o pai honra e no segundo não. Quem critica tem que ser boa em tudo!
  • Ana 02/01/2017

    Vinicius, primeiro não é PERCA, é PERDA. Perca, nesse contexto, é um erro ortográfico grosseiro. Segundo, ninguém está questionando qual o lado o vereador deveria escolher. Isso é prerrogativa dele. O questionamento é sobre FIRMAR UM COMPROMISSO E NÃO CUMPRI-LO. NÃO HONRAR O BIGODE, como fazia seu pai. A fotografia postada pelo Oeste Goiano mostra que ele ele esteve na reunião da oposição e fez o compromisso com o grupo. A reunião foi testemunhada por pelo menos uma dezena de pessoas. Ou todas elas estão mentindo e a fotografia é uma ilusão de ótica, Vinicius?
  • Cleomar 02/01/2017

    Jefferson, você tem problemas com interpretação textual? Onde está a ofensa? Ao contrário, o comentário ressalta as virtudes do pai. Foi o vereador que usou e abusou do nome do pai para se eleger.
  • Jefferson Alves da silva 02/01/2017

    Primeiro vamos ter respeito, nada justifica citar nome de familiares, se a decisão dele foi errada ou certa não dá direito a ninguém de ofender ou ser inconvenientes, querer o certo e deixar de ser certo nessas atitudes tira o direito de se manifestar, que Deus abençoe nossa cidade, só isso que desejo e olha que nem sou natural de Iporá.

Comente

Faça seu Login

Use sua conta do Oeste Goiano.