Associações de moradores de Iporá estão cada vez mais enfraquecidas

22/07/2014
moradores-associacao.jpg

Já houve tempos em que, em um bairro ou outro, as associações de moradores de Iporá levavam a efeito algumas ações, seja de reivindicações junto ao poder público ou de articulações internas com vistas à algumas conquistas.


O melhor exemplo deve ter sido na Vila Brasília aonde a Amorvib (Associação dos Moradores da Vila Brasília e Itajubá) atuou, outrora, com vigor na cobrança de benefícios para aquele lado da cidade. Teve um tempo em que esta associação de moradores chegou a fazer a compra conjunta de carne (vaca) como forma de consumir o produto de forma mais barata. Isso não funciona mais. Essa associação está com suas atividades paralisadas.


A Amorsul (Associação de Moradores da Região Sul da Cidade de Iporá) foi outro bom exemplo em certa época. A entidade chegou a ter uma sede! A Amorsul está desaparecida do cenário. Em outros bairros associações foram criadas, mas que viveram apenas alguns impulsos de certos momentos. Atualmente, todas as associações, embora existam legalmente, estão no ostracismo.


Vereador tenta reavivar entidades


Paulo Alves, vereador em Iporá pelo Partido dos Trabalhadores, que faz um trabalho mais em sintonia com o povo nos bairros, contactando moradores, também atesta esta inércia das entidades associativas. Ao fazer a suas reuniões, chamadas de GABINETE NOS BAIRROS, busca contato com essas organizações populares. Acaba percebendo a existência de pessoas com um pouco mais de liderança, vê um entusiasmo de momento em torno dos temas levantados em reuniões, mas acaba não havendo o reavivamento das entidades. O vereador conta que a maior parte destas associações estão com diretorias vencidas e que não surgiram outros líderes para reassumir o trabalho. O vereador tem mostrado ao povo a importância da união. Muita coisa pode ser conseguida pelo povo se, unido e atuante, cobrar do poder público as melhorias para os bairros.

O que achou dessa Notícia?
10 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.