Covid leva a vida daquele que tanto animou Iporá com roda de violeiros

05/04/2021
vilmar-batista-pereira05042021.jpg

Vilmar Batista Pereira travou uma dura luta contra o vírus da Covid-19, com muitos dias internados, primeiramente em Iporá (UPA), depois em São Luís de Montes Belos (Hospital Regional).  Mas veio a óbito no final da tarde este domingo, 4. 


Era muito querido em Iporá, cidade onde por muito tempo realizou as rodas de violeiros, em bairros da cidade, levando alegria para tantos.  Nesses eventos, além dele próprio tocar e cantar, contava com o grupo de violeiros da cidade, que o acompanhava. 


Foi também liderança comunitária no povoado do Jacinópolis, onde presidiu a Associação de Produtores Rurais. Participou da política e viveu intensamente a vida da cidade de várias formas. 


Às 8 horas da manhã desta segunda-feira, um cortejo de parentes e amigos acompanhou o corpo da Funerária da Pax Brasileira até o cemitério de Jacinópolis, onde foi sepultado, ao lado da sepultura de sua mãe. A família teve sempre uma forte ligação com aquele povoado. O violeiro deixa saudade. 


Em Iporá são 67 mortos em razão do vírus da pandemia. A cidade está atualmente com 213 casos suspeitos de Covid. Os casos confirmados já foram até agora 2.498. 


Quanto a vacinação, 4.626 iporaenses já receberam a primeira dose da vacina, o que representa 14,67%. Foram 1.084 que já receberam a segunda dose (3,44%).  Esses dados são da Secretaria Estadual de Saúde. 

O que achou dessa Notícia?
24 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.