Internautas do OG preferem isolarem-se e se protegerem, mostra enquete

19/04/2020
isolamento-social19042020.jpg

Isolamento social é forma de que vírus não seja disseminado

Uma enquete feita pelo Oestegoiano.com.br mostra que a conduta de zelo pela saúde se sobrepõe ao interesse financeiro.


São 46% dos que responderam à enquete que disseram que, neste momento de pandemia global, o mais importante é isolar-se e prevenir.


Estes que privilegiam a saúde disseram que este zelo precisa ser extremo, mesmo ciente de prejuízo financeiro que advém com a ausência no trabalho.


Foram 35% que manifestaram por compatibilização entre os aspectos de saúde e de resultados econômicos.


Em Iporá e em todo país, nos últimos dias, este debate sobre até que ponto cuidar da saúde, se acirrou, com formas diferentes de ver a pandemia. A corrente por isolamento vertical (quarentena para grupo de risco) teve também força. A Organização Mundial da Saúde tem reforçado que as medidas de isolamento social são a melhor alternativa pra conter a propagação do vírus. E tem cobrado dos governos a garantia da renda e do bem-estar da população. “Essas medidas que atingem toda a sociedade são difíceis, mas é a forma conter a propagação do vírus”, tem afirmado Michael Ryan, que é diretor de emergências da OMS.


Resultado completo da enquete
Pergunta:


Diante da tragédia de saúde pública vinda com o Coronavírus, qual melhor conduta?


46.26% - Isolar-se, prevenir-se, mesmo com prejuízo financeiro já que a saúde é o bem maior
35.98% - Compatibilizar vida mais isolada, mas tentando obter também resultados econômicos
17.76% - Entregar-se a vida financeiramente produtiva, mesmo com riscos para à saúde

O que achou dessa Notícia?
8 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.