Opinião

Mudar pessoas e negócios significa gerar empregos e transformar Iporá

Guilherme Ferreira Ribeiro
13/01/2020


Iporá é realmente um local fértil de pessoas com garra, mas que necessitam ser transformadas, e também é fonte de ideias inovadoras que precisam ser trabalhadas. Na cidade, se concentram inúmeras pessoas que buscam sair da “crise”, mas para isso realmente é necessário mudança! Transformar um paradigma arcaico, que “nascemos assim e devemos morrer assim”, pois isso é ultraje, ultrapassado e não combina com a atual visão do mercado. Temos que querer dar “o sangue” para influenciar e deixar um legado na mente das pessoas e na economia, mudar o local onde vive, e principalmente, não se contentar com uma vida monótona, ou seja, gostar de desafios!

 

Temos que buscar gerar empregos e renda para o município pois, quando se possui todas as características que o povo e as empresas iporaenses têm, não podemos desperdiçar isso. Iporá deve fazer com que suas empresas sejam competitivas e que os colaboradores destas sejam bem treinados e desenvolvidos, para que assim não apenas possam estar funcionando melhor, mas que o profissional seja tão capacitado que ele influencie também a sociedade local na qual ele vive. A orientação de carreiras também entra nessa questão para que pessoas sejam transformadas e se tornem agentes de transformação. Empresas inovadoras, necessitam de processos de recrutamento e seleção para encontrarem estes profissionais certos para as vagas certas, eliminando assim custos decorrentes.

 

Busquemos que as pessoas tenham uma verdadeira e grande confiança na cidade onde vivem pois, é pela confiança que é gerada a capacidade de querer mudar e fazer uma história e trabalhar para que isso ocorra. Uma coisa é certa, Iporá tem um grande futuro pela frente, que deve ser conquistado com muito trabalho e que, com certeza, iremos conseguir. Convido cada um a dedicar o seu suor pela cidade, buscar a melhoria contínua, não só de si e/ou do próprio empreendimento, mas buscar transformar, se inserir no mercado de trabalho para, realmente, fazer a diferença.

Guilherme Ferreira Ribeiro

Guilherme Ferreira Ribeiro tem 24 anos, é formado em Administração de Empresas pela Faculdade de Iporá (FAI). Tem o CRA-GO 18236 – CP. É da Otimize Empregos, uma agência de recursos humanos, da qual é proprietário.

Mais Opiniões
O que achou desse Artigo?
17 votos
*As manifestações de internautas não representam a opinião deste jornal e são de responsabilidade de quem as emitiu.

    Comente

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano.

    Faça seu Login

    Use sua conta do Oeste Goiano ou Facebook para comentar.

    Botão do Facebook
    Faça aqui o seu cadastro!